Forum Flop

O seu forum de Cultura Pop!! Converse sobre quadrinhos, filmes, séries, colecionáveis, RPG e flopões em geral.


    Blueberry Fort Navajo - review

    Compartilhe
    avatar
    Stan
    Padawan
    Padawan

    Posts : 73
    Pontos : 101
    Join date : 11/11/2017
    Age : 28
    Location : Astro City

    Blueberry Fort Navajo - review

    Mensagem por Stan em Seg 20 Nov 2017, 00:44

    Desta vez trago até vocês um pequeno review de um western muito legal: Blueberry: Fort Navajo!

    AVISO: os spoilers são apenas para as imagens, esse review é spoiler-free



    capa da edição francesa (não é a capa original)


    Fort Navajo é a primeira aventura do Tenente Blueberry, escrita por Jean-Michel Charlier e desenhada por Jean Giraud (também conhecido como Moebius).

    Além de comentar um pouco da história, eu vou comentar um pouco da diferença entre duas versões que eu li, primeiro li em inglês e depois eu li na edição portuguesa pela editora Ibis


    Spoiler:

    capa da editora Ibis

    Nesta aventura temos o Tenente Blueberry, um oficial da Cavalaria dos Estados Unidos, que como nos é mostrado na história, é o oficial responsável pelo Clarim. Mas logo que ele é introduzido, nós somos apresentados a um oficial beberrão, desleixado, viciado em apostas e que não tem o senso de "milico" digamos assim, mas que ainda sim é muito bom no que faz e é dono de uma pontaria excepcional.

    Spoiler:


    Logo no começo a origem de Blueberry é nos revelada, e como vemos pela frase acima, a história se passa após a Guerra de Secessão


    Na história, Blueberry é destacado para ir até o Fort, porém no meio do caminho ele e o oficial que o acompanha descobrem que colonos brancos foram assassinados por índios e então uma caçada pelos culpados começa. Mas diferente do que se espera, não é Blueberry que vai "salvar o dia", pelo contrário, ele se recusa e no fim só vai atrás do outro oficial por se sentir culpado em deixar o pobre diabo morrer sozinho no deserto. Após alguns eventos a história se desenrola e descobrimos que existe algo por trás destes assassinatos.

    Spoiler:


    Caras de rato, um xingamento muito pesado...



    Nas duas imagens vemos o exemplo do comportamento dele, e também vemos pela primeira vez na história ele se apresentando


    Um ponto interessante da edição é o roteiro, que no começo pode parecer meio amarrado mas vai desenvolvendo de forma muito natural, lembrando muito um filme de western mesmo, só que diferente dos filmes onde o personagem principal sempre resolve tudo na bala, Blueberry prefere usar o cérebro as vezes para salvar o próprio couro, pois inúmeras vezes ele se vê em situação de desvantagem (e ele não faz milagre como nos filmes). A HQ tem um tom bem realista até certo ponto, mas como essa é a primeira história, algumas coincidências acabam acontecendo para a trama poder desenvolver (mas não prejudica a qualidade do material).

    E por falar em história, não podemos deixar de comentar a arte, pois ela da todo o clima da história. Aqui temos um Moebius muito jovem ainda, ele ainda não está no ápice da carreira como é possível ver nos traços, mas mesmo assim ele já se mostra um desenhista muito talentoso.

    Sobre a edição portuguesa da Ibis, eu achei a leitura agradável mas por se tratar de um material antigo, me deparei com muitas expressões que não são mais usadas aqui e com aquele português bem europeu mesmo, mas mesmo assim da pra ler sem maiores problemas. De vez em quando uma expressão muito velha, no outro uma mesóclise, e por aí vai, da a impressão que é um português que ninguém fala mas não estraga o clima da história a tradução, mesmo assim não é ultra formal. (convenhamos também que no século 19 ninguém falava como nós falamos hoje em dia)

    E um último ponto que ocorre em várias partes da edição portuguesa, as vezes o texto original era mais curto do que o texto em português e o texto acaba não cabendo inteiro no balão de fala e sai dele, em várias cenas isso acontece. Não estraga a história mas as vezes a leitura fica mais difícil nessas horas:

    Spoiler:



    Agora, vou comparar as edições como mencionado:


    Spoiler:



    Cena onde Blueberry brinda com o oficial recém conhecido, o oficial Craig






    Aqui os chefes apaches aparecem na história



    Uma coisa muito interessante é que no original, alguns termos em inglês foram usados pelas personagens e esses termos foram mantidos na edição portuguesa (com pequenas notas de rodapé), o que é bem interessante.

    Spoiler:


    Mas na edição que eu li em inglês, perde totalmente a graça dessas expressões




    Bem, como vocês podem ver, as cores das edições em inglês e em português da Ibis são diferentes. Eu dei uma pesquisada e achei na internet uma imagem da edição francesa e as cores da Ibis parecem muito mais com as cores originais, apesar de que eu não sei se a série sofreu alguma recoloração também.

    Mas essa história é muito legal e pra quem gosta de western, é um prato cheio!

    Só um último detalhe: A história não acaba neste volume! O caso todo em que Blueberry se envolve se estende para o próximo volume, e temos que ler o volume seguinte para saber como tudo terminou. (mas a história não tem um fim abrupto, ela tem um fim porém nós sabemos que as consequências dos atos das personagens ainda estão por vir)

    Eu sou suspeito pra dar nota pra história do Moebius porque eu sou muito fã dele, mas aqui ele ainda estava no início da carreira e os dois Jean por trás de Blueberry vão evoluindo junto com a série.

    Nota: 8


    _________________
    3..2..1... Let's Jam!

    Toca do Stan!

      Data/hora atual: Qua 13 Dez 2017, 01:14